SISTEMAS SEGUROS


Relés de segurança


O controle dos sistemas de segurança é frequentemente realizado pelos relés de segurança. Muitas vezes há confusão nos termos utilizados para a noção de relés de segurança:
> RS2
> RS4

DAAT – Prevenção de Avanço de Sinal


O sensor KFS é um dispositivo colocado no trem destinado à rede ferroviária (trem/metrô urbano/RER/bonde).

Geralmente montado sob as caixas de elementos tratores na altura dos eixos é, por esse motivo, submetido a fortes ações mecânicas (vibrações/choques/acelerações) e climáticas (calor/umidade/corrosão/…).

Tem como função principal detectar dois tipos de campos: magnético, a partir de um eletroímã ou de um imã permanente, e eletromagnético de baixa freqüência a partir de uma antena, gerados por balizas RPS, KPVA ou KFSI instaladas na via, entre os trilhos.

MAIS INFORMAÇÕES

Sistema COPPILOT : Controle e comando em segurança das portas de plataforma


Coppilot é um sistema ferroviário de segurança, que comanda a abertura e o fechamento das portas de plataforma numa estaçaõ de metrô. Estas portas saõ instaladas para fluidificar o tráfego em segurança total. Está atualmente na fase de instalaçaõ no metrô de Sao Paulo, onde uma quizena de estações será equipada corrente 2010.

MAIS INFORMAÇÕES

Sistema COPP – Permite o gerenciamento de abertura e fechamento das portas de plataforma


O sistema COPP permite o gerenciamento da abertura e fechamento das Portas de Plataforma. Esse gerenciamento é efetuado independentemente dos automatismos de condução do trem. O COPP, através de sensores, observa uma parte da zona das vias, e analisa o comportamento dos trens passando na estação. Quando as condições forem atendidas, ele controla em seguida a abertura e o fechamento das Portas de Plataforma.

MAIS INFORMAÇÕES

DPAS : Material de detecção de passagem segura SIL4


DPAS é composto por um transmissor e um receptor infravermelhos, que são posicionados a certa distância um do outro para formar uma linha virtual induzida por um feixe de luz que sai do transmissor e é captada pelo receptor.

MAIS INFORMAÇÕES

Sistema DOF1 : Dispositivo de abertura e fechamento das portas de plataforma – linha 1


Para e projeto “automatização da linha 1 do metrô parisiense”, o sistema seguro SIL3 DOF1, independente do sistema automático dos trens, comanda a abertura e o fechamento das portas de plataforma que serão instaladas em todas as estações da linha. Este sistema entrará em funcionamento com os trens existentes, e será compatível com os novos trens automáticos que substituirão aos poucos os trens atuais. DOF1 também impede a abertura das portas do trem que se encontram no lado oposto da plataforma.

MAIS INFORMAÇÕES

KPVA, sistema de controle pontual de velocidade independente


A RATP equipou todas suas linhas de metrô com um sistema de controle (K) pontual de velocidade independente, após o descarrilhamento em 2000 de um trem na estação Notre Dame de Lorette. Há atualmente 230 balizas KPVA em serviço no metrô parisiense em certas zonas identificadas como críticas. O KPVA é um sistema integrado a uma baliza instalada na via, que mede a velocidade do trem com a ajuda de um radar DOPPLER, e freia o trem em caso de excesso de velocidade por meio do sistema RPS instalado a bordo. As vantagens do KPVA são sua rápida instalação, seu baixo custo e sua grande confiabilidade.

MAIS INFORMAÇÕES

Sistema CaCoLac : Comando Automàtico da plataforma retràtil


CACOLAC é o sistema que comanda o desdobramento e o recolhimento da parte móvel da plataforma.

Este equipamento é uma plataforma deslizante (um tipo de placa de apoio para os pés instalada na plataforma) que permite tapar o vão entre a plataforma e o trem do metrô nas estações que não são retilíneas.

MAIS INFORMAÇÕES